Hoje, é mais um dia. Apenas mais um...

É mais um dia nublado sobre a companhia de café e cigarros.

Não há nada,

Mas nada...

.

Hoje é um dia cortante,

Que me entristece a cada passar de segundos,

Mais um aonde eu quase chego ao fim,

No fim de uma trajetória.

.

Hoje, é mais uma luta com minha própria mente.

É mais um dia de promessas não cumpridas, mais um dia sangrento.

É mais um dia de questionamentos.

É mais um dia sozinha, na companhia apenas de mim mesma.

.

"Ando tão a flor da pele

minha vontade se confude com a vontade de não ser

Ando tão a flor da pele que minha pele tem o fogo do juízo final.

[...]

Às vezes me preservo noutras, suicido!"

3 comentários:

Opa Luanny, da hora seu blog, nunca mais tinha visto,adorei e muito lindo esse texto. Gostei do "disciplina é liberdade", para mim a melhor frase da minha musica preferida do legião urbana. Beijão e abrx.

Este comentário foi removido pelo autor.

Oi Luany, gostei. Tem tudo que um texto poético necessita ter: ritmo, imagem e, sobretudo, um modo de ver as coisas. Abraço

Postar um comentário